Medidas tomadas por Breno Konrad (PSD) buscam preservar serviços básicos e investimentos.

O prefeito de São Sebastião do Passé, Breno Konrad (PSD), tomou decisão aplaudida esta semana. Como parte de um pacote emergencial para a redução das despesas municipais, o prefeito reduziu o próprio salário, de seu vice, e de secretários em 10%, além de diminuir o número de secretarias, readequar servidores e negociar contratos da Prefeitura com fornecedores.

A atitude veio em resposta à drástica redução do orçamento municipal ocasionado pela diminuição no repassa da união e do estado aos municípios baianos, para as quais centenas de cidades estão tendo que reagir com medidas de austeridade frente à redução do orçamento público e o prejuízo à manutenção de serviços básicos, como saúde e educação.

Em suas palavras, Dr. Breno Konrad justificou e deu detalhes da medida:

“o exemplo tem que partir de nós mesmos. Por isso, achamos melhor reduzir meu salário, o do vice e dos secretários, até para mostrar que todos nós precisamos nos sacrificar pelas melhorias em nossa cidade. Com isso, estaremos incorporando a Secretaria de Planejamento Urbano e Desenvolvimento Econômico à outra pasta. Estamos também renegociando os contratos, pois a queda de arrecadação não pode ser um impeditivo para a continuidade dos serviços que a cidade tanto necessita”, disse o prefeito.

De acordo com a Assessoria de Comunicação da Prefeitura, após a readequação de custos, a Prefeitura iniciará em breve a recuperação da estrada da Araçatiba, com a colocação de asfalto novo, desde a ponte que dá início ao bairro até a comunidade do Cariri, em um total aproximado de 3 km. A requalificação do teto e da estrutura do mesmo na Central de Abastecimento, e uma reforma no Hospital Municipal Albino Leitão são outras importantes obras iniciadas na cidade.

 

Compartilhar